Seguidores

.

.

Pesquisa personalizada
Calendário Feminista

24 de fevereiro – Dia da conquista do voto feminino no Brasil
8 de março – Dia Internacional da Mulher
30 de abril – Dia Nacional da Mulher
28 de maio – Dia Internacional de Luta pela Saúde da Mulher e Dia Nacional de Redução da Morte Materna
25 de julho – Dia Internacional da Mulher Negra Latino-americana e Caribenha
29 de agosto – Dia da Visibilidade Lésbica no Brasil
23 de setembro – Dia Internacional contra a Exploração Sexual e o Tráfico de Mulheres e Crianças
28 de setembro – Dia pela Descriminalização do aborto na América e Caribe
10 de outubro – Dia Nacional de Luta contra a Violência à Mulher
25 de outubro – Dia Internacional contra a Exploração da Mulher
25 de novembro – Dia Internacional da Não-Violência contra a Mulher
6 de dezembro – Dia Nacional de Mobilização dos Homens pelo Fim da Violência contra as Mulheres

domingo, 18 de setembro de 2011

Chamada para trabalhos "Queering Paradigms IV" - RJ

 Caráter do congresso e das contribuições:
Após o sucesso de três congressos internacionais e interdisciplinares Queering Paradigms, realizados em três continentes, o Programa Interdisciplinar de Pós-graduação em Linguística Aplicada da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), o Programa de Pós-graduação em Memória Social da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO) e a Associação de Linguística Aplicada do Brasil (ALAB) têm a honra de sediar o quarto congresso, Queering Paradigms IV, a ser realizado do dia 25 ao dia 28 de julho de 2012. Nossos/as conferencistas serão Annamarie Jagose (Universidade de Sydney, Austrália), José Quiroga (Universidade de Emory, EUA), Alípio Sousa Filho (UFRN, Brasil), Jack Halberstam (Universidade do Sul de Califórnia, EUA), Luiz Paulo da Moita Lopes (UFRJ, Brasil) e Jô Gondar (UNIRIO, Brasil).
Assim como nos congressos anteriores, usamos o termo ‘queer’ para nos referir a um domínio indefinido e sem fronteiras de gêneros, sexualidades e práticas corporais não-normativas que inclui uma filiação a abordagens analíticas críticas, considerando também que o termo não ressoa globalmente com os mesmos sentidos a ele atribuídos em contextos anglo-americanos.  Portanto, para os propósitos do congresso, ‘queering’ implica questionar, contrastar, desafiar e destabilizar a heteronormatividade, não se restringindo a ela: o alcance da sua análise inclui a homonormatividade, normatividade de classe, religião, raça, e a normatividade científica e/ou disciplinar.
O objetivo do congresso é, portanto, analisar o status quo e os desafios para o futuro dos Estudos Queer e dos Estudos LGBTIQ a partir de uma perspectiva ampla e inter/multidisciplinar, com vistas a problematizar/desestabilizar (i.e. queer) discursos essencializados e paradigmas totalizantes.  Para discutir pesquisas sobre práticas sociais queer e LGBTIQ, nossa intenção é de colocar em diálogo pesquisadores/as de vários países e de diversas áreas de investigação, incluindo, mas não se limitando a, antropologia, sociologia, estudos da linguagem, teologia, ciência política, direito, medicina social, filosofia, geografia e psicologia social.
Propostas para trabalhos e sessões coordenadas (panels):

Convidamos propostas para trabalhos e sessões coordenadas (panels) sobre qualquer aspecto dos Estudos Queer ou LGBTIQ. As áreas temáticas para submissão de trabalhos são:
·         Queering ética
·         Queering instituições
·         Queering práticas da linguagem
·         Queering artes e literaturas
·         Queering práticas midiáticas
·         Queering raças e etnias
·         Queering epistemologias e metodologias
·         Queering ativismos
·         Queering temporalidades e geografias
·         Queering corpos, corporificações e identidades

As propostas serão sujeitas a um processo de avaliação por pares pela nossa comissão científica internacional e devem ser enviadas pelo nosso site: http://www.alab.org.br/eventos/queering-paradigms-iv, até o dia 15 de dezembro 2012.

·         Propostas para comunicações individuais: Resumos com um mínimo de 1500 e um máximo de 3500 caracteres, seguidos por três palavras-chave.
·         Propostas para sessões coordenadas: As sessões coordenadas devem ter entre quatro e seis participantes. A inscrição deve ser feita pelo/a coordenador/a, e deve incluir o resumo da sessão e os resumos de cada participante. Cada resumo deve conter um mínimo de 1500 e um máximo de 3500 caracteres, seguidos por três palavras-chave.

As propostas podem ser submetidas, e os trabalhos apresentados, em inglês, português ou espanhol; porém, devido ao caráter internacional do congresso, o uso do inglês é fortemente encorajado. Os resumos devem ser escritos na língua na qual o trabalho será apresentado. Para aqueles/as que falam inglês como segunda língua ou como língua estrangeira, enfatizamos que para nosso congresso o que importa não é a precisão gramatical dos/as supostos/as falantes nativos/as, mas a capacidade de comunicarem suas idéias eficazmente, com a ajuda de suportes visuais como slides/datashow. Os trabalhos podem ser realizados em co-autoria. Cada participante pode submeter até duas propostas.
Os anais do congresso serão preparados para publicação avaliada por pares na Queering Paradigms Series, publicada pela editora acadêmica internacional Peter Lang.
Para entrar em contato utilizem nosso e-mail: queeringparadigms4@gmail.com. Mais informações estão disponíveis em nosso site (http://www.alab.org.br/eventos/queering-paradigms-iv), em nossa página do Facebook (Queering Paradigms 4) e em nosso Twitter (@QueeringP4).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pesquisa personalizada